invista em startups
Captação Ideal Engenharia
IPO

Aplicativo Bumble se prepara para IPO em 2021

Whitney Wolfe Herd, fundadora e CEO do Bumble

08/09/2020 07h14
Por: Leonardo Brum
Fonte: Forbes
320
Whitney Wolfe Herd, fundadora e CEO do Bumble
Whitney Wolfe Herd, fundadora e CEO do Bumble

 

O aplicativo de relacionamentos online Bumble, que se anuncia como empoderador das mulheres ao permitir que elas dêem o primeiro passo, é a mais recente empresa a se preparar para uma oferta pública para o início de 2021, em busca de uma avaliação entre US$ 6 bilhões e US$ 8 bilhões. Embora o Bumble ainda esteja em negociações com bancos, nenhum plano foi finalizado e a data do IPO ainda pode mudar.

A notícia –dada pela Bloomberg– chega cerca de um ano depois que o Blackstone Group comprou uma participação majoritária na MagicLab, companhia controladora do Bumble, em um negócio que avaliou a empresa inteira em US$ 3 bilhões.

A MagicLab foi originalmente fundado em 2006 pelo bilionário russo Andrey Andreev e inclui outros aplicativos de namoro, como o Badoo. No entanto, Andreev vendeu sua participação para a Blackstone após uma investigação da Forbes no ano passado, que revelou um ambiente de trabalho tóxico e misógino na sede da MagicLab em Londres.

Whitney Wolfe Herd, ex-executivo do Tinder, que fundou o aplicativo Bumble em 2014 com o apoio de Andreev, assumiu o cargo de CEO de toda a empresa como parte do negócio com a Blackstone.

O Bumble é a mais recente startup a entrar no próspero mercado de IPOs, que passou por um frenesi de atividades no segundo semestre de 2020. Enquanto as ofertas estiveram praticamente paralisadas ​​durante grande parte da primeira metade do ano por causa da pandemia do coronavírus, tem-se notado um influxo de empresas com o objetivo de abrir o capital em meio à recuperação do mercado de ações nos últimos meses.

Registros recentes de empresas como a Palantir Technologies e a companhia de dados em nuvem Snowflake destacam a recuperação no mercado de IPO. Há duas semanas, a gigante do aluguel de imóveis Airbnb se tornou a última grande empresa de tecnologia a enviar a papelada para uma oferta, abrindo caminho para uma potencial estreia nos mercados públicos no final de 2020. Entre as que se tornaram públicas nos últimos meses estão a gravadora Warner Music e a startup e insurtech Lemonade.

A concorrência no negócio de aplicativos de namoro tem esquentado nos últimos anos. O Bumble é rival do Match Group, que tem uma capitalização de mercado de US$ 30 bilhões e um portfólio de aplicativos de namoro como Tinder, Match e OkCupid. Em fevereiro, a Bloomberg relatou que o Match Group abordou outro concorrente, o Meet Group, sobre uma possível aquisição. Até mesmo o Facebook entrou na briga no início deste ano, quando lançou um novo recurso chamado Dating.